“Presidenta Dilma, precisamos falar com você. A moda agradece”

Nesta edição, não fui ao SPFW, mas o que vi de mais interessante na semana de moda foi a iniciativa de cerca de 20 estilistas que, ao final do desfile da Cavalera, usaram camisetas com a chamada: “Presidenta Dilma, precisamos falar com você. A moda agradece.”

Li na imprensa que os estilistas querem reivindicar com o governo um plano para a moda, assim como acontece em outros setores, envolvendo questões como qualificação da mão de obra, investimentos na indústria têxtil, redução de impostos e o fomento do comércio de matéria-prima para os tecidos brasileiros. Uma reunião será realizada entre o grupo na semana que vem para que, com um documento em mãos, possam pedir uma reunião com a presidenta.

A iniciativa ocorre num momento crítico para a indústria têxtil no Brasil. Ainda que o comércio comemore as vendas e que as semanas de moda em SP e no RJ se estruturem cada vez mais, é nítido que está havendo um processo de desindustrialização e uma crise no setor. A moda é composta por diversos elos que são interdependentes, então para o negócio funcionar bem é preciso que toda a cadeia de produção esteja contemplada e que os principais problemas venham a tona.

Claro que não são só os estilistas da SPFW que têm suas questões a resolver com a Dilma, mas eles tiveram uma atitude corajosa e inteligente que combina com a moda e deram o primeiro passo. Acho que outros profissionais e organizações ligados ao setor deveriam se juntar a este movimento e fazer crescer o coro.

Afinal, Presidenta Dilma, não são só os estilistas que precisam falar com você!

 

Anúncios